Voz da Escola
Jornal da Escola Secundária Henrique Medina
Pesquisa

Prosseguir Estudos depois do Ensino Profissional
Por Ana Maria Pinto (Professora), em 2020/01/12360 leram | 0 comentários | 52 gostam
No final do primeiro período, os alunos do 3.º ano do curso profissional Técnico Auxiliar de Saúde (TAS), foram visitar a Escola Superior Agrária de Ponte de Lima, Unidade Orgânica integrante do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC).
Esta atividade inseriu-se no protocolo de cooperação com instituições de ensino superior, tendo como principal propósito conhecer a oferta formativa do IPVC, mais concretamente da Escola Superior Agrária de Ponte de Lima. Assim, estes alunos, que se encontram no último ano do seu ciclo de formação, ficaram a conhecer percursos possíveis para prosseguimento de estudos, após conclusão do curso profissional.
Nesta instituição de ensino lecionam-se diversos Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP), a saber: Análises e Gestão Laboratorial,Cuidados Veterinários, Geoinformática e Gestão de Recursos Naturais, Gestão de Empresas Agrícolas e Gestão do Turismo em Espaço Rural, entre outros. Estes cursos, com a duração de dois anos, apresentam no último semestre um estágio num sector profissional afim ao CTeSP frequentado, que assegurará a aplicação da formação adquirida e a preparação para o exercício de uma determinada profissão.
Apesar de ter sido dado maior enfase à divulgação dos CTeSP, ainda foram apresentadas as licenciaturas que se podem frequentar neste estabelecimento, como por exemplo: Biotecnologia; Ciências da Tecnologia do Ambiente e Enfermagem Veterinária.
Assim, os alunos passaram a conhecer o plano de estudos destes diferentes cursos e licenciaturas, as suas instalações, assim como as respetivas saídas profissionais.
De grande importância foi a informação, transmitida aos discentes pelo Diretor da Escola Superior Agrária, no que respeita ao facto de ser possível ingressar num CTeSP, após o término do curso profissional, e no final do CTeSP prosseguir os estudos numa licenciatura do IPVC ou de outro Politécnico. A grande vantagem desta opção prende-se com a não obrigatoriedade de realização de exames nacionais em todo o trajeto académico. A esta situação, ainda se pode acrescentar mais um benefício, a possibilidade de a duração da licenciatura ficar encurtada, caso o CTeSP permita equivalências em disciplinas incluídas no seu plano de estudos. Realmente, nesta visita constatámos este facto, pois tivemos o privilégio de encontrar uma ex-aluna do curso TAS que concluiu o CTeSP em Cuidados Veterinários e que, neste momento, está a frequentar a licenciatura em Enfermagem Veterinária.
A concretização desta atividade constituiu mais uma estratégia da Escola Secundária Henrique Medina para incentivar os alunos do ensino profissional a prosseguirem estudos.
Não duvidamos que possuir maior formação, estudar mais, revela-se vantajoso quer ao nível da construção da vida pessoal, quer em questões de empregabilidade.

Mais Imagens:

Comentários

Escreva o seu Comentário
 




Top Artigos: Amor de Mãe