O Rodriguinho
Jornal da Escola Básica António Rodrigues Sampaio
Pesquisa

São Valentim
Por Rodriguinho (Professora), em 2019/02/2073 leram | 0 comentários | 9 gostam
Nada como uma carta de amor para vivenciar este dia!
Marinhas, 14 de fevereiro de 2019

Meu Amor,
Neste dia tão especial, eu tenho de agradecer-te por todos os nossos momentos juntos, são esses momentos que eu nunca vou esquecer, certamente.
Tu és a pessoa em que eu mais confio. És a pessoa em que eu posso chorar, rir, desabafar, fazer tudo o que eu quiser, porque, ao teu lado, eu sinto-me mais eu; ao teu lado, eu consigo ser eu mesma, sem precisar de me esconder, ou fingir, ser algo que não sou.
Meu amor, quero que saibas que não és especial apenas neste dia, mas sim todos os dias que passaste e vai passar ao meu lado.
És o melhor que me podia ter acontecido. És o meu SOL.
                                                           AMO-TE MUITO !!
   
                                                                                                                                                      Edite Rolo & Maria Novo 8ºC

                                        Esposende, 14 de fevereiro de 2019

Minha querida,

Meu amor por ti é puro e disso tenho a certeza. É belo, verdadeiro e o mais lindo e fiel do mundo. Só o teu amor me alimenta e me aquece. O teu amor dá sabor à minha vida.
Não consigo imaginar a minha vida sem ti. Dias, noites, meses, anos em claro se não tiver a tua presença. Quando estás por perto, meus problemas passam a segunda prioridade, pois, depois de tu ires embora, eles desaparecem.
O teu carinho é tudo para mim. És o meu GPS num labirinto sem fim, a que costumam chamar «Vida». O presente mais agradável do mundo é acordar e adormecer ao teu lado e sentir teu cabelo e rosto macio, pois tu és linda. Deus não conseguiria inventar uma pessoa melhor do que tu.
Não tenho palavras par te descrever. És tudo para mim.

Um beijo.

Beatriz e Andreia, 8º A


                                             Esposende,14 de fevereiro 2019
Meu amor,

Neste dia tão especial, dia de São Valentim, não podia passar em branco, pois sempre que penso em ti os meus sentimentos despertam.
O amor não deve ser só demostrado neste dia, pois o que eu sinto por ti nunca senti por mais ninguém.
Quando te conheci, finalmente encontrei um bom motivo para ficar. Sei que tu és e serás para sempre o meu verdadeiro amor, aquele que surge de repente, quando menos esperámos e fica para sempre. Cada dia que passa, tu conquistas- me mais e isso só aumenta a certeza que eu tenho, de que tu és, de facto, o amor da minha vida.
Duvido das estrelas, do perfume das flores e de todas as verdades, mas NUNCA duvidei do nosso amor., porque ele é eterno.
Para terminar, tenho a agradecer-te por me fazeres feliz todos os dias. És o sol da minha vida.

Com amor
Ângela Pereira,
Maria Martins
Sofia Faria ,8ºB


                                                Marinhas, 14 fevereiro 2019


Querida filha,

Antes de tu existires, eu já sonhava contigo.
Enquanto te carregava na minha barriga, já conseguia imaginar os teus olhos, o teu sorriso, a tua forma e já imaginava o quão eu te iria amar.
Quando chegaste ao mundo, tudo que sonhei e imaginei um dia ficou pequeno e insignificante, pois tu, minha filha, fizeste nascer um amor no meu coração como nunca sonhei ser possível.
Tu superaste todas as minhas expectativas e transformas-me na mãe mais feliz deste mundo.
Hoje, continuo a amar te e continuarei a amar te até a minha última batida do coração e lá, em cima, olharei por ti.

Rafael Gaio
Margarida Peixoto
Maria Abreu
8ºC
                                               


                                            Esposende, 14 de fevereiro 2019

Querida Mãe,
  
Desde que nasci, tens-me sempre ajudado. Mudaste - me as fraldas, ensinaste-me a andar e contavas-me histórias para eu adormecer.
Sinto-me mal por nunca te ter agradecido e sinto-me mal por isso. Há de chegar um dia em que te vou agradecer por tudo.
Mãe, tu és minha amiga, tu dás-me conselhos para os momentos mais difíceis e dás-me carinho. Deste-me alimento para sobreviver, deste-me casa e sobretudo deste-me uma vida feliz.
     Obrigado, mãe, por tudo. És tudo para mim.

Beijos,
Do teu filho

Tiago Fino, 8º B






Comentários

Escreva o seu Comentário