plantão filosófico
Jornal de Filosofia
Pesquisa

A religião e seus conflitos
Por Simone Fernandes da Silva (Leitora do Jornal), em 2016/09/05640 leram | 0 comentários | 63 gostam
A intolerância religiosa e suas consequências: violência e opressão.
Nos dias de hoje todos tem o livre arbítrio para escolher sua religião, ou optar por não ter nenhuma religião a seguir, e isso sempre gerá conflitos, por ter ou não ter religião. Nesses conflitos muitas pessoas são oprimidas ou passam por algum tipo de violência.
Se uma pessoa é católica, ela vai entrar em conflito com quem é evangélico, muçulmano, ateu, etc, e vice-versa, pois para quem segue cada religião, é um de uma forma, e em outra religião é de outra forma, por isso sempre há conflitos entre religiões, com "guerras", discussões, opressão, várias formas de violência, seja contra a moral da pessoa ou violência física.
É preciso ter um melhor diálogo entre todas essas pessoas, cristãs, evangélicas, budistas, etc, para que entendam que cada um deve seguir a religião que bem entender sem precisar entrar em conflitos sociais ou partir para a "pancadaria".


Comentários

Escreva o seu Comentário