plantão filosófico
Jornal de Filosofia
Pesquisa

Tudo sobre o Estoicismo
Por Lucas Lara (Leitor do Jornal), em 2016/07/04432 leram | 0 comentários | 48 gostam
Para a Filosofia estoica, a paixão é considerada sempre má.
O que é Estoicismo como surgiu

 O estoicismo é um movimento filosófico que surgiu na Grécia Antiga e que preza a fidelidade ao conhecimento, desprezando todos os tipos de sentimentos externos, como a paixão, a luxúria e demais emoções.
 Este pensamento filosófico foi criado por Zenão de Cício, na cidade de Atenas, e defendia que tudo no universo seria governado por uma lei natural divina e racional.
 Para o ser humano alcançar a verdadeira felicidade, deveria depender apenas de suas "Virtudes", abdicando totalmente o "Vício", que é considerado para os estoicos um mal absoluto.
 Um verdadeiro Sábio, segundo o estoicismo, não deveria Sofrer de emoções externas, pois estas influenciaram em suas decisões e raciocínios.
 Para a filosofia estoica, a paixão é considerada sempre má, e as emoções um vício da alma, seja o ódio, o amor ou a piedade. Os sentimentos externos tornariam o homem um ser irracional e não imparcial.
 Para o estoicismo, enquanto o animal e guidado pelo instinto, o homem é guiado pela razão. O mundo que a razão apresenta ao homem é a natureza e não existe nada superior a ela. Deus, portanto, não está fora da natureza mais sem próximo a ela
 "Uma vez que a natureza é governada pela razão divina", os estoicos suportavam as adversidades com calma e dignidade, mas também acreditavam que as circunstâncias da vida de um homem podia se degradar a tal ponto, que um suicídio indolor se tornava a coisa mais racional a faze"r.

Mais Imagens:

Comentários

Escreva o seu Comentário