Folha Cefet
Jornal Escolar do Cefet - Unidade Maria da Graça
Pesquisa

Dia nacional de luta e atividades de paralisação
Por Lucas Rangel (Aluno, 4ASEGMINT), em 2016/11/28281 leram | 0 comentários | 28 gostam
No dia 25/11 ocorreram atividades de paralisação no campus Maria da Graça, com a participação de alunos, professores e técnicos-administrativos.
Faltando exatos quatro dias para que a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 55 – antiga 241 -, que congela investimentos na saúde e educação por 20 anos, possa ser votada em primeiro turno pelo senado, servidores, centrais sindicais, movimentos sociais, estudantes e cidadãos participaram e organizaram o Dia Nacional de Lutas (greves, paralisações e manifestações), em defesa dos direitos da classe trabalhadora, na última sexta-feira (25/11), em todo o país.

Os campi do Cefet/RJ, dando continuidade à mobilização contra a PEC 55, a MP 746 e outros retrocessos, também aderiram a esse dia de paralisação e organizaram atividades de mobilização. No campus Maria da graça, ocorreram as seguintes atividades: reunião, mesa de debate, oficina e roda de conversa.

O dia começou com uma reunião de mobilização seguida da mesa de debate: "Neofascismo e conservadorismo na América" com a professora doutora Tatiana Poggi (UFF), que apresentou o histórico do surgimento e avanço dos grupos de ódio, os meios pelos quais as ideias conservadoras e fascistas eram propagadas e como era a organização desses grupos de ódio nos EUA. Além disso, apresentou a perspectiva desses movimentos no Brasil e discutiu outras questões colocadas durante o debate.

Dando continuidade às atividades, ocorreu uma oficina de cartazes junto a uma roda de conversa sobre a PEC 55 e a MP 746 e uma apresentação dos setores administrativos da escola e da pauta de luta dos servidores desses setores, como o não ao ponto eletrônico e pelo estabelecimento da jornada de 30 horas de trabalho.

As atividades terminaram com a chamada para a partida para o ato do Dia Nacional de Luta (Candelária-ALERJ). O dia de paralisação no campus contou com a organização e participação do Núcleo de Base de Maria da Graça, da ADCEFET-RJ, com o SINTE CEFET-RJ e com o coletivo de estudantes "Maria não tá de Graça". Todos por nenhum direito a menos!

Por: Giovanna Almeida.

Mais Imagens:

Comentários

Escreva o seu Comentário