Fisgolas
Jornal da Becre do Agr - Mondim de Basto
Pesquisa

Lanches Saudáveis
Por Licínio Borges (Professor), em 2017/05/15155 leram | 0 comentários | 29 gostam
Nas aulas das Disciplinas de Introdução à Programação e Oferta Completar ministradas no centro escolar, as docentes procuram despertar e proporcionar aos alunos uma diversidade de experiências de aprendizagem que estimulem o pensamento.
Lanches Saudáveis
Nas aulas das Disciplinas de Introdução à Programação e Oferta Completar ministradas no centro escolar, as docentes procuram despertar e proporcionar aos alunos uma diversidade de experiências de aprendizagem que estimulem o pensamento e criem um diálogo de conversas dos mais diversos temas úteis para o seu desenvolvimento dos seus educandos quer ao nível pessoal quer ao nível profissional. Recorrendo a ambientes computacionais diversificados, as docentes procuram desenvolver diversos temas de diferentes áreas.
Com apenas uma hora semanal, esperamos, através de estratégias pedagógicas apropriadas e de forma equilibrada, e recorrendo à utilização do desenvolvimento das ideias e do pensamento computacional, contribuir para o desenvolvimento cognitivo, social e emocional dos nossos jovens bem como para o desenvolvimento do espírito critico, da criatividade e do uso da tecnologia. Neste contexto, no passado dia 2 de Maio de 2017, as professoras propuseram que os alunos apresentassem durante a aula seguinte, dia 9 diferentes tipos de lanches saudáveis, contando com a pesquisa na Internet, feita na aula, e com a ajuda dos pais em casa.
As docentes consideraram este, um tema muito importante, na medida em que existem investigações que revelam que um tipo de lanche pouco saudável, para além de contribuir para um aumento de peso, pode afectar o desempenho escolar e interferir no desenvolvimento infantil.
As docentes puderam contar com a presença da Dr.ª Dulce Lemos, da sua estagiária, e da Srª Enfermeira Carla Marinho, todas especialistas na área da nutrição do Centro de Saúde de Mondim de Basto para que pudessem observar e comentar o lanche individual de cada um dos alunos, bem como os alertar para o erro de consumir alguns dos alimentos que foram apresentados por alguns (pouquinhos, mesmo
). As profissionais de saúde explicaram que as refeições intermédias

As refeições intermédias ajudam a distribuir melhor as necessidades nutritivas e energéticas ao longo do dia reduzindo os tempos de jejum demasiado longos que geram mais fome e mais esforço de compensação em termos do organismo. Além disso, fazem com que a criança não coma de forma excessiva na refeição principal, sobretudo se os lanches não tiverem açúcares rápidos e forem ricos em vitaminas, fibras e hidratos de carbono de absorção mais lenta.
As especialistas convidadas ficaram muito satisfeitas com as refeições apresentadas pelos alunos, tendo-lhes dado os parabéns e dizendo para continuarem o bom trabalho, sendo sempre muito responsáveis.
As professoras, muito orgulhosas dos seus meninos ofereceram um presentinho, docinho, mas com poucas calorias e com muitos nutrientes benéficos, congelaram iogurtes com um pauzinho, para funcionar como um gelado. A Dr.ª Dulce Lemos sugeriu fazer o mesmo com sumo de laranja natural ou chá caseiro.

Mais Imagens:

Comentários

Escreva o seu Comentário