A Semente
Jornal do Agrupamento de Escolas Dr Flávio Gonçalv
Pesquisa

PLANO NACIONAL DE CINEMA
Por Dulce Marques (Professora), em 2019/01/3031 leram | 0 comentários | 7 gostam
Ontem, dia 29 de janeiro, um grupo de alunos da nossa escola deslocou-se ao Cine Teatro Garrett para assistir a um filme, no âmbito do Plano Nacional de Cinema.
O Plano Nacional de Cinema (PNC) “é uma iniciativa conjunta da Presidência do Conselho de Ministros, através do Gabinete do Secretário de Estado da Cultura, e do Ministério da Educação e Ciência, pelo Gabinete do Secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário.
O PNC está previsto como um programa de literacia para o cinema e de divulgação de obras cinematográficas nacionais junto do público escolar, garantindo instrumentos essenciais e leitura e interpretação de obras cinematográficas junto dos alunos das escolas abrangidas pelo programa”.
As turmas abrangidas foram o 9º E e o 8ª B, além de um grupo de alunos do C.A.A. (Centro de Apoio à Aprendizagem), acompanhados pelas professoras Carmen Bessa, Teresa Coelho, Angelina Santos, Elisabete Martinho, Sofia Gomes e Margarida Martins.
O filme apresentado foi “Um Conto de Duas Cidades”, de Steve Harrison e Morag Brennan, e retrata a nossa cidade, no século XX, e com testemunhos de poveiros de vários estratos sociais.

SINOPSE DO FILME
 “Começando com a famosa fotografia de Maria do Alívio, de 16 anos, a andar descalça pela Rua das Lavadeiras, o filme conta a história de duas Póvoas de Varzim muito diferentes:
- a comunidade piscatória e a realidade brutal de um modo de vida tradicional – a coragem, carácter e solidariedade que ajudaram o povo a sobreviver.
- a cidade turística – os indivíduos cuja energia e iniciativa transformaram este trecho de 1 km de areia numa meca para milhões de turistas.
Não só se obtém um vislumbre histórico de um mundo que agora está quase esquecido, como também se poderá ver uma parte da história portuguesa que alguns desejam esquecer: a vida sob o poder de Dr. Salazar.
Primeiro há o relacionamento especial que o ditador teve com a comunidade de pescadores e a cidade turística; e depois poderá ver-se então como a Póvoa foi o cenário dramático para o confronto entre o regime de Dr. Salazar e o homem que jurou derrubá-lo.
Um Conto de Duas Cidades apresenta-nos duas visões de uma mesma cidade, relatadas a partir de entrevistas a testemunhas oculares, às vezes hilariantes e outras vezes dolorosas, mas sempre inspiradoras e reveladoras.”


Comentários

Escreva o seu Comentário