A Semente
Jornal do Agrupamento de Escolas Dr Flávio Gonçalv
Pesquisa

PROJETO ERASMUS, PORTUGAL
Por Dulce Marques (Professora), em 2017/11/14257 leram | 0 comentários | 46 gostam
Ontem, 2ª feira, iniciaram-se as atividades do Projeto Erasmus+, que se vão prolongar por toda a semana.
No átrio da Escola, as delegações de França, Itália e Roménia foram saudadas por um grupo de percussão da turma 6º D, orientado pelo professor de EM Rui Fernandes. Dois alunos do 8º ano, a Viviana e o Tomás Arriscado, ofereceram aos professores das delegações estrangeiras uma miniatura em tecido do Rancho Folclórico Poveiro.
As delegações dirigiram-se, então, para o Auditório Municipal, onde assistiram a um pequeno espetáculo de boas-vindas, orientado pelos professores de EM Abel Carriço e Margarida Almeida, com os alunos dos 6ºs H, J e K em flauta, que entusiasmou os assistentes, que acompanharam cantando e batendo palmas ao ritmo das músicas.
Seguidamente a nossa diretora, professora Maria das Dores Milhazes, deu as boas vindas às delegações, desejando uma boa semana de trabalho, e o Vereador da Educação e Cultura, Dr. Luís Diamantino salientou a importância destes programas na construção de uma europa mais unida, num momento em que surgem aqui e ali movimentos separatistas. Todos os professores e alunos foram presenteados com lembranças da Póvoa, cortesia da Câmara Municipal.
Os alunos das várias delegações apresentaram depois os seus trabalhos, subordinados ao tema condutor “Maps for Building and Understanding Europe”.
Várias foram as interpretações do tema, destacando-se, pela originalidade, o “Mapa Sonoro da Nossa Escola e da Nossa Comunidade”, apresentado pelos alunos portugueses.
Nos intervalos das apresentações, a Ana Sofia sarmento, a Ana Madalena Rebelo e a Ana Isabel Rosmaninho, do 7º A, executaram no violino pequenos trechos musicais, e, para terminar, a Ana Júlia (6º A), a Beatriz (6º J) e a Maria Clara (5º A) dançaram sevilhanas.
De tarde as atividades decorreram no Museu Municipal, onde o Dr. José Flores explicou aos presentes o que são as siglas poveiras. Depois, a cada grupo foi atribuído um “apelido”, para o qual tiveram que criar uma sigla. Esse apelido vai ser usado pelos grupos como identificação ao longo da semana.
O jantar foi oferecido pela Associação de Pais, e juntou cerca de duzentas pessoas no polivalente da Escola.
A animação esteve a cargo da tuna da ESEIG, os Gatunos, e de vários alunos da Escola, entre eles o Diogo, que cantou fado, a Leonor Torres, a Carolina Bastos e o Martim Pereira, do 6º A, que leram um poema alusivo à escola, em Inglês e em Português, e de um grupo de alunos de várias turmas que, com a ajuda de membros da comunidade piscatória, e orientados pela professora Olinda, de EMRC, apresentaram um “Serão Poveiro”, acompanhados musicalmente pela professora Sandra Pinheiro.

Mais Imagens:

Comentários

Escreva o seu Comentário