Janela Aberta
Agrupamento de Escolas de Santa Marta de Penaguião
Pesquisa

Como ajudar o seu filho a estudar
Por Carlos Rodrigues (Administrador do Jornal), em 2017/11/0255 leram | 0 comentários | 17 gostam
São vários os estudos que nos revelam que o envolvimento dos pais e Encarregados de Educação no processo de ensino-aprendizagem é benéfico para o sucesso dos seus educandos.
Diversos estudos revelam-nos que os alunos atingem um melhor aproveitamento escolar quando os pais se envolvem. Como a escola não tem condições para colmatar todas as carências que possam existir na formação educacional e cultural dos seus alunos, a família possui, assim, um papel fundamental no processo de ensino-aprendizagem dos seus filhos, não cabendo esta responsabilidade, unicamente, aos professores.
Muitos pais desesperam porque o seu filho não faz os trabalhos de casa, não quer estudar ou só o faz na véspera dos testes e, em alguns casos, não gosta da escola, sendo considerado um aluno desmotivado.
Muitas vezes, aos pais, falta-lhes orientações sobre como proceder, provocando uma diminuição de confiança em si mesmos enquanto pais e um aumento do sentimento de fracasso dos filhos. Quando a tentativa de ajudar os filhos na organização dos estudos é frustrante, a relação pais-filhos pode desgastar-se.
Então, que atitudes podem os pais adotar para melhor auxiliarem o seu filho a fazer os trabalhos de casa, a estudar e a aumentar a motivação?

O que NÃO DEVE fazer:
- Exigir em demasia quanto ao desempenho do seu filho;
- Não compará-lo com outras pessoas (irmãos, amigos, colegas);
- Nunca fazer os trabalhos de casa pelo seu filho;
- Interrupções constantes ou distrações.

O que DEVE fazer:

- Valorizar a importância da escola e dos trabalhos de casa na vida do seu filho;
- Ensinar o seu filho a ter uma rotina de horário para os trabalhos de casa e para os estudos.
- O horário deve ser planeado por ambos e os pais devem ser os primeiros a cumprir esta rotina;
- Reservar uma hora para estudar com o seu filho;
- Dispor de um espaço sem distrações, sem muito barulho, iluminado, arejado e limpo;
- Deixar acessível o material necessário para realizar as tarefas escolares (cadernos, manuais, material de escrita, etc.);
- Pedir ao seu filho para contar o que compreendeu;
- Pedir ao seu filho que lhe explique o que está a fazer e, aprender com ele;
- O seu filho deverá começar sempre pelas disciplinas mais difíceis ou aquelas que gosta menos, pois está mais concentrado para fazer o mais difícil.


  Se tem dúvidas, pode contactar-nos

             Mail: aesmp.spo@gmail.com

Horário:
2ª e 5ª das 8h30 às 17h30
3ª das 8h30 às 13h00
4ª das 8h30 às 17H00
6ª das 8h30 às 16H00

A Psicóloga
Sandra Santos


Comentários

Escreva o seu Comentário